Um Dia Mundial dos Oceanos sem motivos para celebração

dia mundial dos oceanos

O Dia Mundial dos Oceanos celebrado ontem (8/6) não trouxe boas notícias.

No Guardian, o destaque é o alerta de conservacionistas sobre um efeito colateral da pandemia que pode contribuir para a piora da qualidade de vida dos ecossistemas marinhos: a poluição por plástico. Mergulhadores já encontram “lixo da COVID”, como máscaras e luvas de plástico usadas, misturado com outros resíduos no Mar Mediterrâneo. À medida em que o consumo desse tipo de material aumenta por conta da pandemia, o temor é que seu descarte inadequado resulte em toneladas adicionais de plástico nos oceanos.

Já a Bloomberg Green fala de um efeito colateral político da pandemia que pode prejudicar a conservação dos oceanos. Antes da COVID-19 aparecer, esperava-se que reuniões importantes como a Conferência do Clima de Glasgow (COP26) e a negociação de um novo tratado marítimo para gestão de mares internacionais ajudassem a inserir a conservação marítima dentro da agenda política dos governos. Com o adiamento desses encontros e a emergência do problema da recuperação econômica pós-pandemia, essa esperança pode se esvair e levar consigo o que poderia ter sido a última oportunidade para que os países pudessem agir.

 

ClimaInfo, 9 de junho de 2020.

Se você gostou dessa nota, clique aqui para receber em seu e-mail o boletim diário completo do ClimaInfo.

x (x)