Adaptação climática

O Brasil tem sofrido impactos visíveis das mudanças climáticas nos últimos meses. Diante disso, é vital atender e apoiar populações, bem como criar políticas para se reduzir a vulnerabilidade tanto dos próprios sistemas naturais quanto do dia a dia das populações nas cidades. Isso é o que chamamos de adaptação climática urbana e ela é essencial para que o poder público se adeque às novas realidades imprevisíveis (ou previsíveis, em alguns casos).

Cientes de que não existe mais um modelo de “período de chuva moderada” e “período de seca moderada”, fontes do governo sinalizam interesse em atualizar medidas para ampliar a proteção social diante da crise climática.

O Congresso Nacional inicia o ano de 2024 com 20 medidas provisórias para votar, sendo que 7 delas referem-se à liberação de cerca de R$ 2 bilhões para mitigar efeitos de desastres climáticos. Ficaremos de olho!

Destaques

Especiais

Siga o Climainfo nas redes